Valor da multa por excesso de velocidade

Você sabia que o valor da multa por excesso de velocidade possui três variações? É isso mesmo, os valores são diferentes, pois são estipulados de acordo com o limite de velocidade excedido.

As multas por excesso de velocidade são as infrações mais acumuladas no Brasil e podem ser aplicadas por lombadas eletrônicas ou radares tanto fixos quanto móveis.

Quais os valores de cada multa e o nível de infração


Os cálculos são feitos da seguinte forma:

  • Valor da multa por excesso de velocidade para quem excede até 20% da velocidade permitida: O motorista que for pego dirigindo até 20% do limite permitido terá que pagar uma multa de R$ 130,16.

Além disso, o motorista comete uma infração média com a adição de 4 pontos na carteira;

  • Valor da multa por excesso de velocidade para quem excede de 20% a 50% da velocidade permitida: Nesses casos, o infrator deverá pagar uma multa de R$ 195,23.

Esta é uma infração considerada grave com a adição de 5 pontos na carteira;

  • Valor da multa por excesso de velocidade para quem excede acima de 50% da velocidade permitida: A multa a ser paga nesses casos é bem mais alta, totalizando R$ 880,40.

Esta é uma infração gravíssima que gera 7 pontos na carteira. O motorista corre o risco ainda de ter a suspenção imediata da permissão para dirigir e ter a sua CNH apreendida.

Esses valores aumentam anualmente. Outro ponto a se considerar é que ao atingir 20 pontos na Carteira de Habilitação, o motorista perde a CNH e precisa passar por um curso de reciclagem.

valor da multa por excesso de velocidade

Entendendo a tolerância do radar


Os radares de velocidade não são instrumentos 100% precisos e a tolerância na medição está relacionada ao valor da multa por excesso de velocidade que será aplicada.

A tolerância, nada mais é, que uma margem de erro do aparelho.

Ao receber sua multa por excesso de velocidade, você irá observar que há duas velocidades, que é a velocidade medida e a velocidade considerada.

A velocidade medida diz respeito ao que o radar marcou e é muito provável que seja a mesma que você estava conduzindo.

Já a velocidade considerada é a velocidade medida subtraída a margem de erro do aparelho, que é de 7 km/h.

Por exemplo: Se você passa a 70km/h em um radar de 50 km/h. A velocidade medida será 70 km/h e a considerada 63 km/h.

Por isso, você vai ser multado em uma multa grave, entre 20% a 50% do valor permitido.

Se você estivesse a 60 km/h, seria multado em uma média, pois a velocidade considerada seria 53 km/h, ou seja, estariam enquadrado em até 20% da velocidade excedida.

Mas, se você estiver dirigindo acima de 75 km/h em um radar que tolere até 50 km/h, irá cometer uma infração gravíssima, correndo o risco de ter a carteira apreendida.

Como recorrer ou cancelar multar por excesso de velocidade?


É possível recorrer e tentar o cancelamento de multas por excesso de velocidade ainda que elas tenham sido registradas em radares por fotos. Isto deve ser feito, caso você acredite que tenha sido injustiçado na cobrança da multa.

Para isso, é necessário abrir um processo administrativo que está sujeito a uma série de procedimentos e regras.

Há ainda três formas de recursos para a multa por excesso de velocidade, que é são:

  1. Defesa Prévia: onde são analisados a questão dos radares. Se for provado que o radar não está de acordo com as resoluções do INMETRO ou não estava funcionando adequadamente quando marcou o excesso de velocidade, a multa é logo cancelada;
  2. Recurso de 1ª Instância: Caso a Defesa Prévia seja negada, o recurso de 1ª instância vai para o Junta Administrativa de Recursos de Infrações (JARI)onde é julgado por um grupo de especialistas. Todos as nuances do recurso serão analisados, e não apenas os formais, para dar o parecer;
  3. Recurso de 2ª Instância: Caso haja a negação do JARI, oportunidade de recurso é enviado para o Conselho Estadual de Trânsito (CETRAN). Caso seja comprovado que a multa é devida, o motorista terá de pagar o valor da multa e terá os pontos gerados em sua CNH.

É importante atentar para não perder o prazo para entrar com o recurso para o cancelamento da multa por excesso de velocidade.

Caso seja provado erro na marcação, em qualquer um dos recursos, a multa bem como os pontos na carteira são cancelados.

Ao entrar com um processo administrativo para o cancelamento da multa por excesso de velocidade, você também ganha tempo para não chegar ao limite de 20 pontos da CNH em um ano.

Como podemos constatar, os valores para multas por excesso de velocidade são elevados. Por isso, o melhor a fazer para não ter esse prejuízo e não correr a chance de CNH suspensa é evitar trafegar além da velocidade permitida.

Vale a pena ler também: